Seja bem-vindo ao Taylor Lautner Brasil, sua primeira, maior e melhor fonte brasileira sobre o ator Taylor Lautner, conhecida por dar rosto ao Jacob na saga Crepúsculo. Aqui você encontrará informações sobre seus projetos artísticos, assim como notícias, fotos e vídeos de sua vida pessoal e profissional. Esperamos que goste e volte sempre!

Arquivo de '#Exclusividades'



TLF_SQPC03_2

 

1 – In the beginning of this interview you said “I have a normal life”, but we know that it was not like this sometime ago. You became hugely famous since “Twilight” was released and the last saga movie was launched in 2012, in LA with thousand of fans reunited in that place. Do you remember what happened at this day?

T: I loved that day! It was the “Twilight” finale and it just all goes through your mind like a movie. Everything was so huge, so crazy… and a little bit scary. It was an amazing journey! Having a private life was so difficult, I mean to go to a restaurant or just walk the streets was kind of impossible at that time but I can’t complain at all.

2 – George Clooney says: “If you become famous when you’re too young, a lot of things will change and sometimes life is not as it used to be”. How did you deal with fame being so young?

T: I have my family and fans to keep me down to earth. Everytime I feel down, I have them to lift me up. They help me to be who I am.

3 – Do you still get in touch with the cast of “Twilight”?

T: This is kind of impossible because everyone is always busy with their lives. They’ve been working in different places all over the world. But I still get in touch with my friend Kristen. We meet as much as we can.

4 – What was the craziest situation you’ve ever been when you were promoting “Twilight”?

T: I don’t even know where to start! I have a lot of stories to tell but I’m gonna tell one of the craziest! The first one was right at the beginning of the Twilight Saga when some girls asked me to autograph their panties! We had some funny situations when we were out of USA also. In Brazil, 4.000 girls tryed to break in our hotel room! They had to call the police to take them out of the hotel. I remember a lot of crazy moments!

5 – You’ve just joined Instagram, right?

T: That’s right! I had just a Facebook page before creating this account on Instagram like 3, 4 months ago. Among me, Kristen and Robert, I was the only one who got a social media account.

6 – Why?

T: We are afraid to read things on social media that could hurt us. But I have to admit that I enjoy a lot my account in social media.

7 – How do you enjoy it?

T: Reading the comments, their feelings, their thoughts and learning how tave fun with them. Giving them good morning and sometimes I even reply some comments. Many ask me for selfies I can fulfill their requests and then I post a selfie.

8 – You are a superstar. How do you deal with all eyes on you?

T: You learn a lot of things in a short time. You learn how you can influence people with a simple act or even with some words. The fans take me too serious so I have to pay a lot of attention what I say. I am beloved by them and I want to return this love. I love helping people and sometimes I visit some hospitals. I hate seeing people suffering. I’m so grateful for being able to help them. I am a sensitive and emotional person. Actually I think I need support too because I’m too young.

9 – What does fame mean to you?

T: I don’t know exactly! It’s so cofusing… You’ll never know what’s gonna happen. I’m not worried about “fame”. I know who supports me in my private life and in my professional life. My only concern is to influence my fans in a positive way.

10 – Do you think you can get back that body you had while filming “Twilight”?

T: I was a teenager back that time in “Twilight”. I’ve been practicing sports my whole life and I’ll keep doing this but driking those awful protein shakes is out of question!

11- You join the cast of Scream Queens recently. What makes you accept this role?

T: Ryan Murphy show me some of his projects last year and I really liked them. So I told him that I would accept to work with him in the future. He is a great guy and I like everything he does. Then he invited me to join the cast and I said yes. I was flattered with his invitation!

12- Could you talk anything about this season?

T: I can’t (laughs)… this is the most different TV series you ever seen. We’ve just filmed the fourth episode and we even know what’s gonna happen on th fifth. We receive the script at the eleventh hour and then we rush to read all at once! There’s always a surprise!

13 – What is the most difficult to do: movies or series?

T: Making series is the most difficult in some aspects. When you are filming a movie, you know everything about your character and what is going to happen through the story. I don’t now what is the hardest part of doing a series… I think it’s too early to say.

14 – You play a doctor in Scream Queens and you can’t stand seeing blood. How do you deal with this situation on set?

T: That’s funny because I don’t know anything about medicine and when we were filming a surgery scene I can’t even look to the patient bleeding on the operating table even if it’s for a short time.

 

TRANSLATED BY JOYCE CRUZ, EXCLUSIVE FOR TAYLORLAUTNERMANIA.COM

postado por Alexia Augusto no dia 20.01.2017
 tlf_tlm_comic_br
E hoje, completa um ano que o nosso raio de sol pisou em solo brasileiro! A terceira vez que Taylor Lautner visitou o Brasil, foi marcado por diversões e emoções. Ele veio para a Comic Con Experience que aconteceu em São Paulo. Taylor e o elenco de ”Ridiculous Six”, ficaram hospedados no hotel ”Fasano”, localizado no bairro ”Jardins” na cidade de São Paulo. Dessa vez, Taylor pode desfrutar e conhecer um pouco mais o nosso país, ele fez um breve tour pela cidade e ficou aproveitando tudo por quatro dias. Nós da equipe TLM, tivemos o maior prazer do mundo de conseguir ficar cara a cara com esse homem maravilhoso! Nossa Staff Talita Souza deixou seu relato incrível de como foi abraçar e conversar com Taylor, durante a Comic Con. Nós também, visitamos o restaurante Karaokê onde Taylor Lautner curtiu por uma noite em São Paulo, e fomos informados sobre coisas maravilhosas que ele fez.  Confira nosso artigo completíssimo e exclusivo:
 
 
Pouco mais de três anos depois de ter vindo ao Brasil (no dia 24 de outubro de 2012), o ator Taylor Lautner pisou em solo brasileiro novamente no dia 05 de dezembro de 2015. Ele veio para participar da Comic Com Experience 2015 numa conferencia de lançamento do filme “Ridiculous 6”(com Adam Sandler e Jorge Garcia, que também estão no filme). Antes mesmo de chegar, ele publicou em seu facebook oficial dizendo: “eu mal posso esperar para ver meus fãs brasileiros novamente”.
Tradução:
”Eu estou muito animado de ir ao Brasil para a Comic Con este ano em São Paulo com os meus colegas de elenco de #Ridiculous6. Eu mal posso esperar para ver todos os meus fãs brasileiros de novo! Já faz tanto tempo! Vejam as fotos da última vez que eu estive lá em 2012 para promover o último filme da Saga Crepúsculo.”

 

Taylor desembarcou na tarde do sábado (05 de dezembro) no aeroporto de São Paulo juntamente com Adam Sandler, Frank Coraci (diretor do filme), Terry Crews e outros dois seguranças. Em todos os dias eles ficaram hospedados no Hotel Fasano (mesmo hotel onde ele ficou em 2009 com Kristen Stewart para divulgar “Lua Nova” e em 2012 para a divulgação de “Amanhecer Parte 2” da Saga Crepúsculo). 



CONFIRA MAIS FOTOS CLICANDO AQUI
 
E embora tenha chegado muito cansado por causa da viagem longa de avião, ele apareceu muito animado ao lado dos colegas de trabalho em um vídeo que gravaram em comemoração a chegada no Brasil.
 
COMIC CON – 06/12/15
 
 
No dia seguinte a sua chegada ao Brasil (no domingo, 06 de dezembro) realizou-se em São Paulo a tão esperada Comic Con, que foi aberta para os fãs e a imprensa (ambos tiveram a oportunidade de fazer perguntas aos atores do filme Ridiculous 6).
 
 
 
Frank Coraci, Jorge Garcia, Terry Crews, Taylor Lautner e Adam Sandler na Comic Con Experience 2015, em São Paulo.
 
Durante o evento, o ator Terry Crews (conhecidíssimo por seu papel em “Todo mundo odeia o Chris”), revelou que ele e seus companheiros tiveram uma paixão instantânea por pão de queijo. Além disto, teve um momento ainda mais épico e que fez todos rirem: Terry tirou a blusa na frente de Taylor Lautner, o que, certamente, levou o pessoal que estava presente (e todos nós de casa) a loucura! Confira:

Apesar das brincadeiras (que não foram poucas) Sandler elogiou Lautner em um dado momento, dizendo: “Esse cara [Taylor] está inacreditável como Lil’ Pete. Ele é o mais engraçado do filme, está fantástico”. E como já é esperado do comediante, ele ainda brincou com a beleza de Taylor: “É um elenco poderoso, todos muitos engraçados, mas sabíamos que precisávamos de pelo menos um cara bonito, por isso nós temos o Taylor.”
 
E como se já não bastasse derreter nossos pobres coraçõezinhos, ainda foi revelada uma fobia (além do medo de tubarões e ratos) de Taylor (que já era especulada no fandom). Tudo começou quando eles começaram a contar das peças que pregavam um nos outros no set de filmagens e uma delas (e a que eles caracterizaram como a mais bizarra) foi a que vitimou Lautner. “O Steve Buscemi estava nadando e agarrou a perna do Taylor, ele deu um grito e pulou de susto”, contou Adam Sandler, divertindo-se. “Eu ainda te agarrei e disse ‘me salva’”, lembrou Taylor. “Realmente não gosto de criaturas que vivem na água”, confessou.
CONFIRA TODAS AS FOTOS EM HQ CLICANDO AQUI 
6-img_20151206_131422156
Nossa incrível maravilhosa, Ludmila Fadel, compareceu ao evento, CCXP-Comic Con Experience, no sábado (5 de dezembro) e também no domingo (6 de dezembro). Lud, representou muitíssimo bem o nosso site no evento, assim como Talita também nos representou. Lud não teve a mesma sorte de conseguir um abraço apertado, ou ao menos, uma foto com o Taylor como a  Talita, mas todo o seu esforço para garantir o melhor a nós, vale mais que qualquer coisa. Lud conseguiu ver Taylor Lautner de perto, porém ela não pode tirar uma foto com ele ou pegar um autógrafo. Porém ela conseguiu filmagens e fotos exclusivas para nosso site!

Confira o relato de Ludmila Fadel:

Preciso começar este relato dizendo que não fui a CCXP por causa do Taylor. Desde julho eu já havia garantido os ingressos para sábado e domingo e já estava ansiosa para o evento. Sim, sou nerd e várias atrações me causavam ansiedade: Misha Collins (o Castiel de ‘Supernatural’) – que eu consegui foto E autógrafo #surta – Frank Miller, os estandes de Star Wars e Warner/DC que prometiam diversas novidades e outros.Mas, há pouco menos de 1 semana do evento, o painel de ‘Ridiculous 6’ foi anunciado e eu não podia estar mais eufórica. Taylor Lautner estaria aqui também!!!!! Falei imediatamente com a Val e começamos a conversar sobre as possibilidades. Não é fácil entrar num painel e tinha trocentas coisas que eu precisava  fazer lá. Nesse meio tempo, conheci a pessoa mais fofa do mundo, Alexia, que me apoiou o tempo todinho.Fui no sábado e corri a feira toda, vendo tudo que queria pra no domingo me dedicar ao Taylor. As 4h da manhã, estava acordada. Mas São Pedro não colaborou. Chovia horrores em SP e não havia possibilidade de pegar taxi. As tarifas são muito altas de madrugada e o São Paulo Expo é meio afastado. Como sou do Rio, preferi não arriscar.Saí por volta das 6h da manhã e quando cheguei ao evento, o primeiro painel já havia esgotado. Mas tudo bem porque queria entrar na segunda leva pra ficar pro ultimo painel e não ter q sair na hora do almoço. Não deu. Muitas pessoas estavam disputando lugar no que seria o maior painel do evento: Frank Miller, que seria logo antes do da Netflix.  Assim, conversei com uma moça da organização e ela disse que provavelmente muitas pessoas sairiam depois desse painel e lá pras 16h saberia se mais gente poderia entrar ou não. (Pra quem não sabe, o esquema é assim: quem entra no auditório fica até a hora que quiser, ninguém é obrigado a sair entre os painéis). Daí, fui comer algo – e aproveitar a feira (me julguem!). Depois do almoço, fui para a estande da Netflix buscar informações. Soube que eles já tinham saído do hotel, que não fariam meet&great. O elenco iria somente pro painel, mas passaria pelo Tapete Vermelho (muitos artistas não passaram, resolveram entrar direto). Lá consegui também uns pôsteres oficiais do filme – que pertencem exclusivamente às adoráveis Val e Alexia e elas decidirão o futuro deles.Pouco depois das 15h voltei para a área dos painéis e a fila tava gigantesca ainda: foi anunciado que Terry Crews estaria presente no último horário e o público foi à loucura! Ele é extremamente querido nesse meio por seu personagem em ‘Todo Mundo Odeia o Chris’’ e foi aí que bateu uma dorzinha. Não conseguiria nada para as meninas. Tanto esforço pra nada! O que era pra ser tranquilo (‘Ridiculous 6’ não trazia ninguém apelativo pro público nerd até então) se transformou em pesadelo. Jamais o povo que estava lá dentro ia desistir. Ninguém ia sair….

         Daí lembrei da informação. Eles confirmaram passagem no Tapete Vermelho! Meu único pensamento foi: pelo menos uma foto de longe eu consigo pra fazer as meninas felizes! E lá fui eu atrás do lugar. Me deram informação errada, e quase fiquei do outro lado de onde eles passariam mas uma boa alma me salvou e me encaminhei para o lugar certo. Chegando lá, mais uma barreia – literalmente – a grade estava fechada e ninguém podia passar. Eu ia ficar longe mas decidi ficar assim mesmo. Até que notei umas cinco ou seis pessoas sentadinhas ali, quase escondidas. Perguntei ao moço da organização se poderia eu também pular a grade e ficar mais perto (menos de 1 metro do Tapete). Ele falou que não. Os seguranças não deixam pular a grade, se eu tentasse, seria expulsa. Mas que se eu passasse por baixo, ninguém ia ver (Deixo aqui meu agradecimento especial por ele ter burlado as regras e me deixado entrar).          Logo fiz amizade com as pessoas ali. Cada uma queria ver alguém. Assistimos o painel do Frank Miller pelo telão e esperamos o tempo passar ansiosamente. Até que começou uma movimentação de seguranças. Muitos deles. Quando notei, a área estava tomada de fãs, aparentemente metade da feira estava lá. A maioria já tinha visitado todos os stands e foram lá ver os atores: Terry Crews era o mais aclamado mas Adam Sandler e Taylor também tinham seus fãs representando. E pela quantidade de pessoas, começaram a discutir se era seguro ou não o elenco passar por ali – eu estava bem em frente, como disse. Nervosismo a mil! Queria tanto dar algo às meninas. Qualquer coisinha…

         Minutos tensos passaram até que anunciaram oficialmente que sim, eles passariam por ali. Várias recomendações foram dadas. Seguranças por toda parte e cada vez mais gente chegando pra vê-los. E o momento tava se aproximando…. Mas tava feliz e tranquila, pois de onde estava, facilmente veria o Taylor passar. Claro que isso foi antes de eles efetivamente chegarem. Cercados de seguranças e fotógrafos, ficou difícil tirar fotos boas. Decidi pelo vídeo. O que foi melhor, mas ainda assim, não muito bom. Todos queriam vê-los mais de perto então fui diversas vezes empurrada e pisada. Honestamente, EU o vi MUITO de perto, por alguns minutos, mas o vídeo q gravei não ficou muito bom e sinto muitíssimo por isso. De verdade. Mas fiz o que pude. Disso tenho certeza. E quando cheguei em casa e descobri que a Talita havia conseguido entrar no painel, fiquei eufórica!!! O TLM foi representado e em grande estilo, e acabou que no fim, cada uma de nós conseguiu cobrir uma parte da passagem do Taylor pelo CCXP!!!!!

         É isso, gente! Obrigada pelo apoio e incentivo! Numa próxima, chego ainda mais perto e carrego todos vocês comigo =*

VÍDEO DE TAYLOR  LAUTNER GRAVADO POR LUD FADEL:

RELATO DA STAFF TALITA SOUZA:

Mas a emoção ainda não parou por aí: um dos membros da nossa equipe, a Talita Souza, compareceu na Comic Con. Ela foi encarregada de tentar entregar os recadinhos que vários fãs do Taylor nos enviaram durante a nossa campanha. Sabíamos que seria apenas uma tentativa e que (talvez) poderia não dar certo. Mas, felizmente, ocorreu tudo como planejávamos. A Talita teve a sorte grande de ser selecionada para fazer uma pergunta a um dos atores que estavam no palco. E é claro que ela aproveitou o momento único para perguntar ao Lautner se ela podia lhe entregar alguns recadinhos de seus fãs brasileiros e ele, com toda a gentileza, disse que sim. 
Depoimento oficial de Talita Souza:
” Era quinta feira a noite e eu descobri que o Taylor viria para o Brasil na semana seguinte, meu primeiro pensamento foi “mano, ta muito em cima da hora, eu não vou conseguir”, fiquei desesperada, chorei, não sabia o que fazer, senti raiva e tristeza por terem avisado isso tao em cima da hora e depois que os ingressos pra CCXP no dia 6/12/15 já estavam esgotados. Fiquei algumas horas meio perdida, seria a primeira vez que ele viria ao Brasil depois que me tornei fã dele, como eu poderia aceitar tão fácil que eu não iria conhece-lo pessoalmente? Pois é, não aceitei, engoli o choro, fui me organizar, ver o que eu precisava, primeiro pedi autorização aos meus pais, não foi tão fácil, mas no fim acabaram deixando, em seguida perguntei a um amigo meu se ele poderia me levar até o local do evento quando eu chegasse em sp, pois eu iria sozinha, ele disse que iria me ajudar, depois veio a parte mais difícil, conseguir um ingresso para domingo, fui em grupos do Facebook, fui atrás de muitas pessoas, muitas mesmo, custei mas consegui comprar um ingresso, depois comprei minha passagem, acho que meu pai ficou com medo de eu ir sozinha pra um lugar que nem conheço e então ele acabou comprando passagem pra ele também. Dia 5/12/15 saímos de mg e chegamos em sp dia 6 às 5 e meia da manhã, mais tarde um pouco pegamos o metrô que deixava perto do local e quando descemos seguimos umas pessoas que estavam indo pro local. Chegando lá fui transferir a credencial pro meu nome e o moço falou “não da pra transferir”, na hora gelei, mas depois resolvemos umas coisas la e deu certo, eu fui pra fila pra entrar no evento e como meu pai não tinha ingresso ele foi andar em sp. Fiquei nessa fila em média uns 30 minutos. Quando liberaram e eu finalmente estava dentro da CCXP eu fui correndo procurar o estande da Netflix, demorei um pouco mas achei, perguntei pra eles se o Taylor ja tinha chegado e se teria meet ou sessão de autógrafos com ele, disseram que não sabiam me informar naquela hora, que a unica certeza era o painel, fui procurar o lugar do painel, a fila estava enorme, corri pra achar o fim dela, quando achei era em torno de 10:30 da manhã, fiquei lá em pé por horas, as vezes eu pedia pra guardarem meu lugar pra eu ir no estande da Netflix ver se tinham mais informações, até que disseram que não teria meet nem sessão de autógrafos, só o painel e nada de mais, não perdi as esperanças, voltei pra fila e fiquei la, não sai mais. Tava chegando a hora do painel de The Ridiculous Six e a fila não andava, o pessoal que estava la dentro não saia, não eram obrigados, quem entrava no local só saia a hora que quisesse, comecei a ficar com muito medo de não liberarem mais lugares, chegar a hora e eu não entrar. Foi passando o tempo, poucos lugares estavam sendo liberados, comecei a me culpar por ter chegado e ir ao estande da Netflix ao invés de ir direto pra fila, até que chegou uma hora que liberaram vários lugares de uma vez, nisso eu consegui entrar, senti um alivio enorme, era em torno de 15:45, mandaram os que tinham acabado de entrar sentar la em cima, era bem longe do palco, na hora que entrei estava passando um painel da Warner, assim que acabou aquele painel eu fui la pra baixo procurar lugar, dei sorte e achei um vazio. Teve só mais um painel e depois veio o de The Ridiculous Six, o Taylor entrou, se chorei nessa hora? Demais. Depois de 3 anos vendo ele só pelas telas eu consegui vê-lo pessoalmente, até esse momento eu não tinha falado com ele, nem abraçado ele, mas eu já estava feliz demais só de ver ele ali. Uns minutos depois que entraram, a Aline (garota que estava entrevistando eles) foi fazer uma brincadeira de perguntas e respostas com a plateia e os atores, varias pessoas, inclusive eu, se levantaram pra ela escolher alguém pra fazer alguma pergunta para algum dos atores, primeiro ela escolheu um menino la, depois me levantei e fiquei gritando o nome dela, só que nessa hora ela não me escutou e escolheu outra menina la, depois disso gritei mais ainda, ela apontou pro meu lado e disse pro cara levar o microfone até la, só que eu não sabia se ela tinha apontado pra mim ou para as meninas que estavam atras de mim que também estavam gritando, ai eu disse “Me escolhe, por favor, por favor” ai ela falou pro cara levar o microfone pra menina de azul. Pronto, nessa hora esqueci tudo que eu já tinha planejado falar, eu não sabia mais o que dizer, o que eu falasse o Taylor estaria ouvindo (seria traduzido pro idioma dele) e prestando atenção em mim, eu meio que perdi o rumo. O cara chegou com o microfone em mim, eu nervosa e segurando o choro de primeira só consegui dizer “Oi Taylor”, depois comecei a falar que eu estava ali só pra ver ele, a quanto tempo sou fã dele, e eu disse que eu estava com mensagens de alguns fãs que não tiveram a chance de estar la, e como eu tive perguntei a ele se eu podia entregar nas mãos dele, ele fez sinal positivo com as mãos e se levantou, eu comecei a tremer e sai da fileira que eu tava, tinha um segurança la na ponta, ele mandou eu me acalmar, tentei, o Taylor estava la na grade me esperando, fui pra lá, entreguei o envelope com as mensagens de alguns fãs nas mãos dele e em seguida eu abracei ele, a grade era baixa, não atrapalhou, enquanto eu o abraçava as únicas coisas que eu conseguia dizer era que eu o amo muito e que aquele era meu sonho, ele dava uma risada tao fofa, depois perguntei pra ele se poderíamos tirar uma selfie, ele disse “Sim, é claro” (tudo em inglês, lógico), eu fui com a mão esquerda pegar meu celular, o segurança segurou meu pulso e não quis soltar, então fui com a mão direita, pra pegar meu celular, nisso segurança me soltou, peguei meu celular, digitei a senha e coloquei na câmera, o Taylor iria pegar me celular pra tirar a foto, mas ai um cara la pegou e disse que ele tiraria, ele tirou, me devolveu o celular, eu abracei o Taylor novamente, dessa vez mais apertado, ele retribuiu o abraço apertado, mais uma vez eu disse que amava ele muito, depois, quando ele estava quase indo eu disse “I’m Talita” e ele disse brincando “I’m Taylor” e deu uma risadinha, eu sorri, depois ele sorriu novamente, disse algo que eu infelizmente não consegui entender, então eu apenas sorri e disse “Okay”, ele se despediu e foi para o lugar dele, um homem que trabalha la no local pediu meu Instagram e Twitter, eu passei e em seguida fui para meu lugar. Deixei de falar pra ele muitas coisas que eu precisava e que eu queria, mas na hora não deu, a emoção era grande, eu estava realizando um sonho, eu sei que eu fiz o melhor que eu consegui. Tudo valeu a pena, todas as horas que passei na fila, toda minha correria atrás das coisas que eu precisava, todo meu desespero. Quando o abracei, senti aquele abraço tão apertado, eu percebi que tudo valeu a pena, eu faria tudo novamente, quantas vezes fossem precisas para eu sentir aquele abraço mais uma vez. Não sei explicar o que senti na hora e o que ainda estou sentindo, é uma mistura de alegria com realização, é um sentimento maravilhoso que desejo para todos os fãs. 
Me lembro que em 2013, quando eu usava Ask, me perguntavam qual era meu maior sonho, eu sempre respondia que era conhecer o Taylor Lautner, na maioria das vezes me mandavam em anonimo frases dizendo que eu nunca iria conseguir, que era ilusão, pois é, a ilusão se tornou realidade, eu consegui. Consegui porque me esforcei, me dediquei, lutei e fui atrás! ”
FOTOS DE TALITA SOUZA COM TAYLOR LAUTNER:
 13650487_866208323522676_697392546_n 13664755_866195816857260_1062841515_n 13672524_866207443522764_187660417_n
VÍDEO:
Além dos recadinhos, ainda havia dentro do envelope um banner do Taylor Lautner Mania.
page-1
Taylor com o envelope recheado de recadinhos dos fãs brasileiros e com o banner do TLM.
 
Já na segunda-feira (07 de dezembro), um dia após a Comic Con, o ator Taylor Lautner foi curtir a noite em um Karaoke e na churrascaria “Vento Haragano”, em São Paulo. Lá ele fotografou com alguns fãs que estavam no local.
CURIOSIDADES:
Um ano depois, nossa staff Joyce Cruz e Jennifer Castro, visitaram o restaurante karaokê, e foram surpreendidas com os maravilhosos relatos de uma das garçonetes que estavam presentes no dia da visita de Taylor Lautner. Segundo a mesma, ele dançou, cantou e se divertiu muito! A garçonete ainda nos informou, que ele estava cercado por alguns seguranças e um membro de sua equipe. Taylor Lautner convidou várias vezes a garçonete para dançar, claro, ela aceitou! A mesma nos informou que não cansava de dizer a ele: ”Taylor, eu sou casada, hein!” – disse mostrando a aliança. E ele, como sempre, dava muita risada quando ela dizia isso. Ela ainda nos disse, que ele é uma pessoa muito encantadora e simpática! 
VEJA MAIS FOTOS CLICANDO AQUI.
leo7580
Segundo o site, EGO, Taylor foi passear em um shopping em São Paulo, e se divertiu andando de Kart no shopping. Logo após andar de Kart, Taylor saiu com o apoio dos seus seguranças e foi almoçar em um restaurante de comida natural! 
CLIQUE NAS FOTOS PARA VISUALIZAR MELHOR AS IMAGENS:
leo7584 leo7585
leo7517 leo7534
FANPIC DE TAYLOR LAUTNER NO RESTAURANTE SUPER NATURAL:
fanpicbrasil
Foto publicada no Instagram oficial do restaurante Super Natural
 
E é isso! Esperamos pela volta de Taylor Lautner ao Brasil, que dessa vez ele volte e fique muito mais que apenas quatro dias! ♥
ARTIGO PRODUZIDO POR RAFAELA VARGAS E ALEXIA AUGUSTO. 
O RELATO DA GARÇONETE DO RESTAURANTE ”VENTO HARAGANO” É UMA EXCLUSIVIDADE DO SITE TAYLOR LAUTNER MANIA, POR FAVOR, DÊ OS DEVIDOS CRÉDITOS, QUANDO FOR PUBLICAR EM SEUS SITES OU FANPAGES!
 
postado por Alexia Augusto no dia 06.12.2016

14917073_1205856276128695_8861173467035265909_o

O roteirista do filme “Run The Tide”, Rajiv Shah concedeu uma entrevista exclusiva ao nosso site. O filme que tem Taylor Lautner como protagonista é o primeiro longa-metragem de Rajiv e primeiro drama de Taylor Lautner. O roteiro de “Run The Tide” já venceu o “Grand Jury Prize for Project Catalyst at the 2013, o Los Angeles Asian Pacific Film Festival. O filme é dirigido por Soham Mehta e pode ser a grande chance do Taylor mostrar seu talento e sair da sombra de Jacob Black. Na entrevista o autor fala de sua carreira, família, sobre o Brasil, sobre o Taylor e revela sua opinião sobre o site Taylor Lautner Mania. Confira a tradução da entrevista por Joyce Cruz:

TLM: Como você começou sua carreira? Fale um pouco sobre você.

RAJIV: Como Run the Tide é o meu primeiro roteiro, minha carreira está só começando. Eu comecei a escrever através do meu trabalho como ator. Eu trabalhei como ator durante muitos anos e decidi escrever um roteiro no qual eu acreditasse que os atores teriam vontade de trabalhar. Eu tinha acabado de sair da faculdade com a sensação de que minha vida e minha carreira estavam totalmente paradas no tempo uma vez que eu estava colocando os meus objetivos profissionais de lado para ajudar a minha família. Eu tinha que ajudá-los, naquela época, e eu tinha a sensação de que a coisa que eu mais amava na vida era também o que me faria amadurecer. Falando sobre isso agora, esta foi a melhor coisa que poderia ter acontecido naquela fase da minha vida porque justamente aqueles sentimentos se transformaram no embrião do que viria a ser Run The Tide e através disso, eu descobri que eu realmente amava escrever.

TLM: Como é participar de “Run the tide”?

RAJIV: É um sonho que se torna realidade. Quando eu comecei a escrever o filme, eu não tinha a intenção de comercializá-lo e nem poderia imaginar que tantas coisas maravilhosas pudessem acontecer. Naquela época, eu já sabia que se tratava de uma história movida pela ação dos personagens, profunda, um filme emotivo que eu queria filmar discretamente com alguns amigos. Talvez ir a alguns festivais de filmes e usar essa experiência para que eu pudesse evoluir minhas ideias para um próximo filme. Mas, eu nunca imaginei que iria acontecer isso tudo. Eu acho que a ficha só caiu quando eu estive no set de filmagem. Eu tinha que visualizar tudo o que saiu da minha mente de forma concreta. A equipe que trabalhou no material do filme era extremamente talentosa, com um elenco de primeira, e, claro, Taylor Lautner interpretando o personagem Rey. Foi muito surreal no melhor sentido da palavra. Eu sou muitíssimo grato por ter tantas pessoas maravilhosas trabalhando por trás da história, tornando-a real.

TLM: O que podemos esperar o filme “Run The Tide”?

RAJIV: Bem, você vai ter que assistir pra descobrir! Mas, falando sério, eu acho que você pode esperar um filme com muita emoção. Run The Tide é um drama que fala sobre uma família destruída e nada convencional que está tentando se reerguer e recomeçar.

TLM: Como é sua relação com Taylor Lautner? O que acha dele?

RAJIV: Taylor está ótimo no filme e nós temos muita sorte em tê-lo em nosso elenco. Ele é talentoso, competente e incrível em tudo o que se refere ao esporte! Eu ainda não tinha reparado isso até vê-lo no set de filmagem. Havia umas cenas com jogo de baseball e ele mandou muito bem na hora de jogar. Eu sou um grande fã do Taylor Lautner, sem dúvida.

TLM: Qual o seu maior sonho?

RAJIV: Ele já se tornou realidade! Dito isso, eu também procuro exigir muito de mim mesmo para continuar contando histórias que falem sobre pessoas que vivem à margem da sociedade e sobre o desafio que é viver qualquer tipo de relação. Eu adoro as narrações de Ang Lee, Francis Ford Coppola e James Gray. Eu tenho muito que aprender ainda, mas, eu admiro muito o trabalho deles. Eu acho que meu próximo sonho [a ser realizado] é um trabalho, que já está em andamento, sobre o Havaí chamado 808. É sobre a relação entre pai e filho que estão sendo testados por uma gangue violenta e pela subcultura das drogas na área da classe baixa de um local conhecido como um paraíso, mas, para aquelas pessoas que cresceram nesse lugar ou que nasceram lá, não há como ter uma vida diferente. 808 têm um olhar voltado para a paisagem das ilhas. Meu próximo sonho seria ver esse filme nos cinemas.

TLM: Você já ouviu falar do Brasil? Pensa em visitar algum dia?

RAJIV: Eu amo o Brasil! Eu fui ao Rio de Janeiro e a São Paulo há alguns anos. As pessoas são muito simpáticas e eu me diverti muito aí. Apesar de nunca ter ido à Amazônia, eu gostaria de voltar um dia para visitá-la. Porém, como toda visita rápida, você só consegue conhecer o lugar superficialmente. No Brasil existem muitas particularidades que eu gostaria de explorar, especialmente de uma perspectiva local. Eu preciso de um guia para me ajudar a fazer isso!

TLM: O que achou do nosso trabalho no Taylor Lautner Mania?

RAJIV: Eu adorei seu site! Continue fazendo esse ótimo trabalho! Amei o layout da página. Muito bom mesmo.

Siga Rajiv no Twitter: @gorajiv >> CLIQUE AQUI <<

Siga Rajiv no Instagram:@rajivgoshah >> CLIQUE AQUI <<

Curta a página oficial de Rajiv no Facebook >> CLIQUE AQUI <<

 

CHECK OUT THE INTERVIEW IN ENGLISH VERSION

Rajiv Shah (Run The Tide’s screenwriter) talks a little more about Taylor Lautner and his film in an exclusive interview to Taylor Mania Mania:

How did you start your career?

Run the Tide is my first screenplay so really, my career is starting there. I came to writing through acting. I’d been an actor for many years and decided to write a screenplay that I believed actors would want to perform in. I was just out of college and feeling pretty stuck in my life and career because I was putting my career aspirations off to help with family obligations. I needed to do it but, at the time, felt like the thing I loved most was also what was keeping me from progressing in my adult life. In retrospect it was the best thing that could have happened to me because that period of my life and those feelings became the genesis of Run the Tide. And through that, I found that I really love to write.

How did you feel about working on “Run The Tide”?

It’s a dream come true really. When I first started writing it, I never intended to sell it or have it do any of the wonderful things that have happened. At the time, I knew it was a character driven, heartfelt, and emotional movie that ultimately I wanted to shoot quietly with some friends. Maybe go to some film festivals and use it as an experience to get better for my next film. I couldn’t have imagined that it would turn out the way it has. I think it really hit me when I walked on set that first day. I got to see what had been in my mind for so long finally coming to life. There was this incredibly talented and experienced crew realizing the material, a great cast making the roles their own, and of course, Taylor Lautner playing the lead role of Rey. It was surreal in the best way possible. I’m incredibly thankful and grateful that so many wonderful people got behind the story and made it a reality.

What can we expect from “Run The Tide”?

Well, you’ll have to see it to find out! But seriously, I think you can expect an emotional ride. Run the Tide is a drama about a very broken and unconventional family that are trying to find ways to heal and move on.

How is your relationship with Taylor Lautner? What do you think about him?

Taylor is really great in the film and we were lucky to have him. He was talented, professional, and incredibly athletic! I didn’t realize how much until we were on set. There are a couple of scenes that involve baseball and he can really play well. I’m definitely a Taylor Lautner fan.

What is your biggest dream?

In a lot of ways it’s already come true! But that being said, I’m always looking to keep pushing myself and keep telling human stories about people on the fringes and about challenging relationships. I love storytellers like Ang Lee, Francis Ford Coppola, and James Gray. I’ve got a long way to go but I really admire their work. I guess my next dream is a project I’m currently working on about Hawaii called 808. It’s about the bonds between a father and son being tested by the brutal gang and drug subcultures that make up the underbelly of Hawaii. People perceive Hawaii as a paradise, but often for the people who grew up there and are from there, it can be anything but. 808 takes a look at that little seen side of the islands. My next big dream would be to have that movie get made.

Have you ever heard of Brazil? Have you ever thought about coming here?

I love Brazil! I actually went to Sao Paulo and Rio de Janeiro some years back. People were really friendly and I had a great time. I never made it to the Amazon though so I’d like to come back and do that someday. However, as with any destination you visit for a short time, what you get as a tourist is always just scratching the surface of the identity of that place. Brazil has so many more facets that I’d like to explore, especially from a local perspective. I just need a local tour guide to help me do that!

I would greatly appreciate if you visit our website www.taylorlautnermania.com e let us to know your opinion about our work.

I really enjoyed your site and keep up the good work! Visually, I love the way it looks. Really cool.

Follow Rajiv on Twitter: @gorajiv >> CLICK HERE <<

Follow Rajiv on Instagram:@rajivgoshah >> CLIQUE AQUI <<

Like Rajiv on Facebook: >> CLIQUE AQUI <<

postado por Alexia Augusto no dia 30.11.2016

Estamos de volta e com novidades!

O site Taylor Lautner Mania passou uns dias fora do ar por motivos de manutenção severa, estávamos fazendo ótimas mudanças para que o nosso site, isso mesmo, nosso site ficasse muito melhor do que já. Deixamos nosso site com nível Taylor Lautner, ou seja, todo maravilhoso e moderno. Todos já devem saber que o TLM era apenas um blog, cuidado com muito amor e carinho por profissionais de qualidade. Só que agora temos uma ótima notícia: o blog deixou de ser um simples blog e agora se tornou realmente um site. Isso mesmo! E, além disso, agora adicionamos o “Brasil” em algumas redes sociais, pois sabemos que os melhores sites do Brasil, dedicados a famosos, possuem esse nome. E também achamos uma linda forma de homenagear os fãs brasileiros, que tanto tem nos apoiado ao logo do tempo e para que o nosso amado Taylor Daniel Lautner saiba melhor que somos do Brasil.

Sabe aquela foto antiga, aquele vídeo antigo ou aquela foto favorita que você perdeu e está com dificuldades de encontrar? Não precisa mais se desesperar, o TLM agora possui uma galeria de fotos, onde vocês fãs, terão total acesso livre para ver todas as fotos e capturas de vídeos. E o melhor, em ótima qualidade! A galeria estará sempre sendo atualizada conforme for saindo novas atualizações sobre o nosso amado e tudo o que o cerca, e com um curto tempo para termos tempo de por tudo em ordem.

Queremos agradecer ao 8Designer pelo maravilhoso trabalho que fez para conosco e toda paciência que tiveram, o site ficou incrível, nós amamos e sempre seremos gratos!

Queremos agradecer também, a nossa tradutora maravilhosa, Joyce Cruz por ter contribuído muito para que essa mudança ocorresse. E é claro, não podemos deixar de agradecer a fundadora Val Barreto, que mesmo estando um pouco distante, ela não deixou de contribuir para que nossa nova era chegasse!!

Queremos agradecer também a todos os fãs do Brasil, a vocês que nos acompanham desde o começo do blog. Devemos todo nosso sucesso e crescimento a vocês, muito obrigado. Desejamos que apreciem o novo site, que se deliciem com nossas novidades e daqui para frente as coisas só venham ficar melhores e melhores.

OBS.: As postagens antigas serão publicadas aqui novamente, mas isso levaria um tempo, e nós não podemos esperar mais porque temos a obrigação de deixar todos informados, mas pedimos paciência e colaboração de nossos leitores e seguidores fiéis, tudo entrará nos eixos pelos próximos dias. A nossa galeria de imagens está atualizada somente com fotos do ano de 2015, pois ainda estamos trabalhando firmemente na atualização de fotos do ano de 2016. Pedimos compreensão à todos!!!!

VISITE NOSSA GALERIA DE IMAGENS: http://taylorlautnermania.com/gallery/index.php

categorizado como: Uncategorized
postado por Alexia Augusto no dia 19.09.2016